Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]

socieadeperfeita


Quarta-feira, 18.05.16

Privilegiados!

Trinta e cinco horas

 

Por que razão , só para a função pública?

Porque não produzem nada!

Porque são pagos com os impostos dos que trabalham quarenta horas

Porque não podem ser despedidos!

Senhores sindicalistas e políticos querem criar ainda mais desigualdades?

Para desigualdades já temos: os que têm emprego, os desempregados e os que trabalham

Falam, sempre, que defendem os mais fracos, mas são só palavras

Nos atos, colocam-se , sempre, ao lado dos que têm poder, voz, ricos, influentes…..

E, assim, vão contribuindo pata um país mais próspero, solidário, onde todos estão em pé de igualdade!

Não bastava terem um serviço de saúde próprio, ganharem, em média, mais!

 

“Esta é a ditosa Pátria minha amada”   (Luís Vaz de Camões)

Autoria e outros dados (tags, etc)

por cheia às 21:50

Sexta-feira, 06.05.16

Colégios

O negócio dos colégios privados!

Os nossos impostos não devem ser utilizados, para beneficiarem ensino privado, com prejuízo para o público, como tem acontecido.

Cabe na cabeça de alguém , que o Estado subsidie os colégios privados, onde existe ensino público?

Liberdade de escolha! Com certeza, todos podem escolher os estabelecimentos de ensino, que querem que os seus filhos frequentem, desde que tenham possibilidade de escolha e a paguem! O que não podem querer é que sejam todos os contribuintes a pagarem as suas escolhas!

Porque em muitas sedes de Concelho, não há qualquer hipótese de escolha, e isso nunca preocupou os Senhores , que tanto falam em liberdade de escolha.

O que esta a acontecer é a degradação do ensino público, devido ao desvio de dinheiro para os privados, Quando esse dinheiro deve ser investido na modernização e excelência do ensino público, aberto a todos, pago por todos.

Não é admissível que os mais pobres, por não terem dinheiro , para pagarem explicações, vejam os filhos abandonarem o ensino obrigatório, enquanto os seus impostos servem para subsidiarem colégios particulares!

Não confundamos interesses privados com interesse público!

Só um ensino público, que conquistámos com a implantação da República, pode responder aos anseios de todos.

Assim, todos nos devemos bater, para que seja implementado, em todo o território nacional, e que mesmo nos lugares mais pobres do interior, todos tenham acesso a um ensino de referência e excelência.

 

 

José Silva Costa

Autoria e outros dados (tags, etc)

por cheia às 20:55


Mais sobre mim

foto do autor


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

Pesquisar no Blog  

calendário

Junho 2018

D S T Q Q S S
12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930