Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]


Fazer dinheiro

por cheia, em 15.01.24

SIBS: a fazedora de dinheiro

 

Há muito que a SIBS queria uma taxa sobre as operações fectuadas no multibanco. Como isso não foi permitido, este ano, arranjou maneira de nos fazer gastar 2€, por mês, para fazermos pagamentos............

 

Segundo a SIBS, apenas em "situações muito pontuais poderá ser necessária a associação de um novo cartão, real ou virtual, dependendo da oferta do Prestador de Serviços de Pagamento/Instituição Financeira".

Quais são essas situações muito ponutais?  O meu Banco, do qual tenho um cartão de débito e um de crédito, obrigou-me a criar um caratão virtual, com o custo de 24€, por ano, para poder continuar a fazer as operações, que fazia sem pagar nada.

Se não fosse obrigatório ter uma conta bancária, fechava-a e metia o dinheiro no colchão.

 

José Silva Costa

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 07:54

Assinatura Digital

por cheia, em 25.10.23

Assinatura digital

 

Mais um contributo para melhorar o ambiente

Existe uma aplicação, com a qual podemos criar uma assinatura digital

No dia 21/10/2023, com a ajuda do meu neto, assinei os dois primeiros documentos, com assinatura digital, sem tinta nem papel

Documentos que teria de imprimir, assinar e digitalizar

Com as novas tecnologias podemos poupar muita tinta e papel

Com a pandemia, a nossa médica de família nunca mais nos passou receitas e exames em papel

Envia-nos receitas e exames, sem papel, para o telemóvel, e é mais uma maneira de acabar com os papéis, tão apreciados, neste país

O telemóvel vai passar a ser a nossa carteira, vamos deixar de andar com o cartão da carta de condução, com o cartão de cidadão, com o cartão multibanco, teremos tudo no nosso telemóvel

Há tempos, num Domingo, de manhã, o telemóvel tocou, do outro lado, uma senhora perguntou-me se conhecia o Sr. …., disse-lhe que era meu cunhado, respondeu-me que tinha encontrado uma carteira, que tinha dentro o número do telemóvel, para onde estava a ligar, que é o número do telemóvel da minha mulher.

Agradeci-lhe e disse que ia informar a minha sobrinha, do seu nº de telemóvel, para que ela a  contatasse e combinarem a entrega da carteira

Liguei para a minha sobrinha, para ser ela a tratar do assunto, uma vez que o pai já tem 89 anos, disse-lhe que tinham encontrado a carteira do pai, e que tomasse nota do número do contacto, pediu-me para lhe enviar uma mensagem, com o número, porque onde estava não tinha papel nem caneta

Mais tarde, ligou-me a agradecer, dizendo que já tinha a carteira em seu poder

Graças ao empenho de uma Senhora que, ao ver uma carteira atirada para um canteiro de um jardim, se preocupou em ver se tinha dentro algum contacto, para a entregar ao dono. Salvaram-se os documentos, os 30 euros, tinha o gatuno levado

Tudo isto para dizer quanto são maravilhosos os telemóveis, quando bem utilizados!

 

 

José Silva Costa

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 07:56

Ilusões

por cheia, em 03.07.23

O Ilusionista

 

Este mês vamos receber mais dinheiro! Não, não houve aumentos de ordenados nem baixa de impostos, porque isso mexia nos cofres do Estado

Com um passo de magia, o ilusionista mexeu nos escalões do IRS, para nos causar a ilusão de  que ganhamos mais

Em vez de tomar medidas de fundo, para reduzir as desigualdades, vai dando esmolas

125€+50, por cada filho, mais de duzentos mil não receberam nada, por não terem IBAN

Meia pensão para todos os reformados, com algumas exceções, sejam qual forem os valores das pensões, porque os reformados não podem ser beliscados, são a sua maior base de apoio

Uma contribuição para aumentar a inflação e o fosso entre pobres e ricos

Os agricultores também foram contemplados, exigindo-lhes que se candidatassem pela internet, como muitos não dominam essa tecnologia, alguns desistiram, iam pagar, a quem lhes fizesse esse trabalho, mais do que aquilo que receberiam

A Ministra da Agricultura disse que 5.000 ainda não receberam as ajudas, porque ainda não atualizaram o IBAN

Gostava de lhe perguntar como é que se atualiza uma coisa que não existe

O mesmo está a acontecer com alguns inquilinos, que também não têm IBAN

A lei das ajudas aos inquilinos não passou no Ministério das Finanças, que a regulamentou, retirando-lhe o essencial, não passou de mais uma ilusão!

Para os mais carenciados 30€ por mês, pagos de tês em três meses, mas têm de ter IBAN

Quase metade das Freguesias, 1.300, não têm um terminal multibanco, no litoral e nas grandes cidades temos um, em cada esquina

Não basta criar o Ministério da Coesão, é preciso fazer leis, para que não haja cidadãos de primeira e de segunda

Não aprova medidas estruturais, apenas, umas pequenas esmolas, porque para o ano há eleições

Diz que a inflação em Portugal está no dobro da de Espanha, porque em Portugal começou a subir mais tarde

Não admite que a causa está na falta de políticas adequadas, nas suas políticas erradas

Com um ilusionista, com maioria absoluta, bem podemos barafustar, que ele não sai da sua arrogância.

 

José Silva Costa

 

 

 

 

 

 

 

  

 

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 08:00

O futuro é hoje (3)

por cheia, em 02.11.21

O futuro é hoje

3

A Filomena defende que todos os contribuintes deviam ser obrigados a ter uma conta bancária e um cartão multibanco, sem quaisquer encargos para os mesmos

Se todos têm de ter o Cartão de Cidadão, o Cartão de Identificação Fiscal, o Cartão de Utente do Serviço Nacional de Saúde, era mais um Cartão, indispensável ao ritmo de vida, do século XXI

Uma conta bancária faria com que muitos idosos não tivessem de ir, todos os meses, para a fila, na Estação dos CTT, para receberem as pensões, fazendo com que, por vezes, ponham a vida em perigo, por contágio do vírus da gripe ou outros

Como nem todas as povoações têm Estação dos Correios, seria uma maneira de poupar as pessoas a mais despesas e incómodos, nos anos dourados, em que todos os momentos devem ser aproveitados

A nossa jovem, uma menina do terceiro milénio, sonha com uma sociedade mais evoluída, liberta das burocracias desnecessárias, para que tenha mais tempo para o lazer

Assim que todos tivessem um cartão de débito, poderiam acabar com o dinheiro, seria uma boa libertação, do peso, das moedas de cêntimo

Uma evolução à altura da tecnologia, um passo em direção ao espaço, tudo mais facilitado

Um maior controlo sobre as fortunas, menos fuga aos impostos, acabava-se com o dinheiro nos colchões, com os roubos, porque o cartão seria acionado pela voz

Segundo a Filomena, o cartão bancário e o telemóvel são as nossas coordenadas, ainda que não saiba dizer qual deles é a longitude, ou a latitude, sempre que os utilizamos, sabem onde estamos e o que pagamos

O telemóvel tornou-se indispensável, precisamos dele para tudo:

Contatar e ser contatado, comprar e vender, fotografar e ver, consultas obter, receitas, alertas, validações, tantas e tantas operações, quantas as imaginações

Uma das últimas e boas decisões foi permitir renovar o Cartão de Cidadão, sem sair de casa, onde temos de utilizar o cartão bancário e o telemóvel.

 

José Silva Costa

 

Continua

 

  

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 07:58


Mais sobre mim

foto do autor


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.



Arquivo

  1. 2024
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2023
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2022
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2021
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2020
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2019
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2018
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2017
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2016
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2015
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2014
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D