Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]

socieadeperfeita


Quarta-feira, 28.11.18

Comendadores

Comendadores

Comendadores, pessoas de muitos valores

Muitas vezes acumulados à custa dos que não têm a ambição de serem comendadores

Enquanto os comentadores vivem em bons palácios

Os que lhos constroem vivem a enganar a fome

Aqueles que nasceram com a arte de ganharem muito dinheiro

Espezinhando os outros, querem ser admirados, como se fossem deuses

A vaidade e a ambição não têm, por ninguém, contemplação

Joe Berardo, que em África, fez jus a “em terra de cegos, quem vê é rei”

Conseguiu uma fortuna, deixou África, e veio, para o seu país, pavonear-se

Criou um Museu de Arte Moderna, e teve a arte de alugá-lo ao Estado

Ambicionava ser dono de um Banco

Viu, na compra do Banco Comercial Português, um futuro estrelado

Não tendo dinheiro para alcançar o sonho

Recorreu ao dinheiro do Estado

À Caixa Geral de Depósitos, pediu, muito dinheiro, emprestado

Para comprar as ações do BCP

Mas a ambição desmesurada deu para o torto

O valor das ações deu um grande trambolhão

E, o comendador deixou-nos um buraco de duzentos e oitenta milhões

Que já pagamos, com muito suor, perda de emprego, de casa e de carros

Porque, em último caso, através dos nossos impostos, nós somos a garantia real

Para alimentar os sonhos, as vaidades de alguns

Todos, os que levaram Bancos à falência, continuam a pavonear-se com as medalhas ao peito

Sem que a justiça os consiga prender

Os administradores eram: Carlos Santos Ferreira, Maldonado Gonelha, Armando Vara, Celeste Cardona, Francisco Bandeira, José Ramalho, Norberto Rosa, e Vítor Fernandes

 

José Silva Costa

 

 

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

por cheia às 21:01

Domingo, 25.11.18

Fretes

Fretes

25/11/1975

O ano do início da consolidação da democracia

Por que até aí, ninguém sabia para onde é que a revolução pendia

Quarenta e três anos depois

Os nossos votos não passam de um a cortina de fumo, para elegermos os representantes do grande capital

Criaram a CRESAP, que nos custa milhões, com a função de escolher os melhores, para a Administração Pública

Mas, quem manda são os donos disto tudo

No último congresso do PS, Catroga exigiu a substituição do Secretário de Estado das energias

Que estava a fazer um bom trabalho para os contribuintes e péssimo para a EDP

Costa aproveitou a confusão de Tancos, que nunca saberemos se houve roubo ou não

Para uma remodelação governamental, incluindo a substituição do Secretário de Estado, pela EDP, indesejado

Há sempre uma empresa Galamba, pronta para todos os fretes

Assim, como há sempre, profissionais ou amadores, para furar greves

A EDP está repleta de administradores inválidos da política: Catroga, Cardona …….

Que, na CGD, fez um trabalho exemplar, um prejuízo de muitos milhões, que tivemos de pagar

Há quarenta e três anos foi tudo nacionalizado, passados uns anos foi tudo reprivatizado

Atualmente é tudo da República da China

Passado quase meio século, continua a economia a mandar

E, nós desejamos, que amanhã vejamos nascer um novo dia.

José Silva Costa

PS. O dia em que o Reino Unido saíu da UE., por achar que a solidariedade não é paz.

 

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

por cheia às 18:42

Quarta-feira, 06.06.18

Os nossos impostos!

Futebol e Impostos

 

O futebol nunca foi adepto dos impostos

Os impostos não têm adeptos

A não ser os que vivem deles!

A indústria do futebol está cada vez mais florescente

Por todo o lado estão a espalhar a semente

Não sei o que vai na cabeça da gente

Não há êxito na carreira do futebolista, sem agente

O futebol tem florescido à custa dos impostos de toda a gente

Com políticos que desbaratam o nosso dinheiro com essa gente

Mas, não têm dinheiro para pagar a professores, médicos e enfermeiros

Os futebolistas, para os políticos, são os primeiros

Utilizados para anestesiarem trabalhadores, soldados e marinheiros

É uma doença a que poucos conseguem resistir

É com ele, que a violência está a progredir

Bancos falidos, com os nossos impostos, mantidos

Perdoam lhe, e a dirigentes desportivos, muitos milhões

Enquanto, que para o cidadão comum não há perdões

Se, ainda que por motivos alheios à sua vontade, não pagar as prestações

Será penhorado e despejado, tendo de ir com a família, para debaixo da ponte

Por que razão, as garantias dadas, pelos Clubes e seus dirigentes, não são acionadas?

Porque os nossos impostos estão sempre disponíveis, para pagarem as suas fraudes

Pagarem a jogadores e treinadores, muitos milhões, para o futebol não existem cativações!

Em Espanha, o fisco está a recuperar muitos milhões, sonegados por treinadores e futebolistas

Felizmente, que em Portugal, ninguém foge ao fisco, muito menos, futebolistas e treinadores!

 

José Silva Costa

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

por cheia às 20:08

Sexta-feira, 01.07.16

Iva a 13%

A descida de impostos é sempre uma boa notícia. Mas os empresários têm de se convencer que os impostos são para pagar e os serviços são para faturar. Os consumidores também são responsáveis por nem todos os impostos, pagos, chegarem aos cofres do Estado.

Todos temos de nos convencer que pedir fatura com número de contribuinte é mais que uma forma de os impostos chegarem ao seu destino, é um ato de cidadania, para que todos cumpram com os seus deveres.

Os que não cumprem com os seus deveres estão a sobcarregar os que cumprem. Assim, a opinião pública deve ser mais exigente, para com os que se esquecem das suas obrigações.

Se todos pagassem os impostos, certamente,  que estes poderiam baixar, para isso todos temos de atuar.

Mais descidas de impostos são desejáveis, porque não podemos continuar a trabalhar, só, para, impostos, pagar.

 

 

José Silva Costa

Autoria e outros dados (tags, etc)

por cheia às 22:52


Mais sobre mim

foto do autor


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

Pesquisar no Blog  

calendário

Dezembro 2018

D S T Q Q S S
1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
3031

Posts mais comentados