Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]



Supremos interesses

por cheia, em 23.11.17

O negócio das crianças institucionalizadas

 

Mil euros por cabeça!

Quantas mais melhor, para que enriqueça

O círculo vicioso, que ninguém quer ver

Instituições públicas de proteção das crianças

Presididas, pelos mesmo que Presidem ou fazem parte

Das administrações das instituições, que acolhem as crianças

Que foram arrancadas ( para não dizer roubadas) aos pais

Por que é que ninguém quer ver?

Porque são pessoas importantes, acima de quaisquer suspeitas

Aquelas que enchem a boca, quando pronunciam: “os superiores interesses da criança”

Que, também são os seus superiores interesses de enriquecimento

Terá isto, alguma coisa a ver com a enorme quantidade de crianças institucionalizadas?

Com a dificuldade de adotar as crianças?

Ora, se essas instituições são geridas como sociedades anónimas!

Por cada criança adotada são menos mil euros na mesada

Quem é que acredita nestas instituições?

Não há fiscalização nem justiça!

Para que uma mãe tenha reavido os filhos

Foi preciso que o Tribunal Europeu dos Direitos Humanos o ordenasse!

Não há vergonha, nem clemencia, só corrupção

Por que é que este assunto nunca incendiou as redes sociais?

Como aconteceu com o jantar no Panteão

Coisa de somenos importância: as vidas de crianças e país!

 

José Silva Costa

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 21:04


18 comentários

Imagem de perfil

De mami a 26.11.2017 às 11:38

ou pior.... a ninguém!
Imagem de perfil

De cheia a 26.11.2017 às 20:04

Sim. Nem consigo imaginar o que sentem as crianças, quando são arrancadas aos pais! Irmãos separados, cada qual para seu lado. Com estes procedimentos, não ficam traumatizados?
Crescem, para ali, sem poderem conhecer os seus progenitores, para encher os bolsos aos senhores doutores! Não seria preferível ajudar os pais, mantendo-os nos braços de quem os ama? Mas, isso não vos dava dinheiro! Que corrupção, que nojeira, que povo mais bárbaro, que cegueira!

Comentar post



Mais sobre mim

foto do autor


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.


Posts mais comentados


Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D