Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]



Quingentésimo ano (23)

por cheia, em 23.01.24

Eu cantei já, e agora vou chorando
O tempo que cantei tão confiado:
Parece que no canto já passado
Se estavam minhas lágrimas criando.

Cantei; mas se me alguém pergunta, quando?
Não sei; que também fui nisso enganado.
É tão triste este meu presente estado,
Que o passado por ledo estou julgando.

Fizeram-me cantar manhosamente
Contentamentos não, mas confianças:
Cantava, mas já era ao som dos ferros.

De quem me queixarei, se tudo mente?
Porém que culpas ponho às esperanças,
Onde a fortuna injusta é mais qu’os erros?

Luís de Camões

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 07:54


34 comentários

Imagem de perfil

De Lígia Laginha a 23.01.2024 às 10:48

Adoro os teus sonetos! Parabéns!
Imagem de perfil

De cheia a 23.01.2024 às 10:54

Muito obrigado. Os sonetos não são meus, são de Luís Vaz de Camões.

Bom dia.
Imagem de perfil

De Lígia Laginha a 23.01.2024 às 11:16

Ok, bem que achei o estilo parecido, no entanto, não são muito aprofundada na poesia camoniana e pensei que eram teus. De qualquer forma, obrigada pela partilha!
Imagem de perfil

De cheia a 23.01.2024 às 11:24

Peço desculpa, por não ter mencionado o autor. Durante este ano, quingentésimo ano do seu nascimento, estou a tentar, todos os dias, publicar textos seus.

Bom resto de dia.
Imagem de perfil

De Lígia Laginha a 23.01.2024 às 15:36

Não tem importância. O que importa é partilhar boa poesia. Bem haja!
Imagem de perfil

De cheia a 23.01.2024 às 17:54

De acordo!
Noite tranquila.
Imagem de perfil

De Isabel Paulos a 23.01.2024 às 11:55

Os desenganos da fortuna.
Bom dia, José.
Imagem de perfil

De cheia a 23.01.2024 às 12:22

Queixa-se, muitas vezes, da fortuna.

Este soneto terá sido inspirado num soneto de Petrarca.

Boa tarde, Isabel.
Imagem de perfil

De Chic'Ana a 23.01.2024 às 12:06

Intemporal!
Beijinhos
Imagem de perfil

De cheia a 23.01.2024 às 14:34

Um poeta, que merece ser mais lido.
Beijinhos.
Imagem de perfil

De Folhasdeluar a 23.01.2024 às 12:21

As injustiças que muitas vezes acontecem...abraço
Imagem de perfil

De cheia a 23.01.2024 às 12:25

Ninguém gosta de ser injustiçado.

Um abraço
Imagem de perfil

De green.eyes a 23.01.2024 às 12:40

O nosso grande Luís de Camões
Tem um bom dia José
Bj
Imagem de perfil

De cheia a 23.01.2024 às 14:29

Muito obrigado. Ele é o maior.

Também te desejo um bom dia.

Beijinhos
Imagem de perfil

De Ana D. a 23.01.2024 às 15:22

Lindo!! Obrigada por nos ajudar a recordar!
Feliz dia, José!
Imagem de perfil

De cheia a 23.01.2024 às 15:32

O nosso maior poeta merece que o conheçamos melhor.

Também lhe desejo um feliz dia, Ana!
Imagem de perfil

De jabeiteslp a 23.01.2024 às 16:57

Sempre em grande este nosso Camões
mas também quem conhece bem a Obra José
Belo resto de semana pra vocês.
Imagem de perfil

De cheia a 23.01.2024 às 17:50

A intenção é que seja mais conhecido.

Bom resto de dia, para vocês, com saúde e alegria, João.
Imagem de perfil

De Di a 23.01.2024 às 17:18

Muito obrigada pela partilha
Imagem de perfil

De cheia a 23.01.2024 às 17:45

Agradeço a visita.
Imagem de perfil

De Maribel Maia a 23.01.2024 às 17:46

Vale a pena lembrar!!
Boa semana.
Beijinhos!!
Imagem de perfil

De cheia a 23.01.2024 às 17:47

De acordo!

Noite tranquila, Maribel!

Beijinhos.
Imagem de perfil

De Francisco Carita Mata a 23.01.2024 às 19:04

Este nosso querido Camões era um sofredor nato! Alegria e Saúde.
Imagem de perfil

De cheia a 23.01.2024 às 20:03

A fortuna foi má, injusta, ............

Este soneto terá sido inspirado num de Petrarca.

Boa noite, com saúde e alegria.

Comentar post


Pág. 1/2



Mais sobre mim

foto do autor


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.


Posts mais comentados


Arquivo

  1. 2024
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2023
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2022
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2021
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2020
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2019
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2018
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2017
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2016
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2015
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2014
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D