Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Mar, amar, o mar

por cheia, em 23.08.16

Mar, mar, mar

No agosto quente

Com mar azul serpente

Que acaricia o corpo florescente

Que beija, abraça e deita

Nos seus macios e perfumados lençóis

Mas não promete, nem mente!

Esse mar, que em agosto, afoga os sonhos e desejos

De tanta gente!

Mês de alívio, relaxe, convívio

De confraternização, encontros e desencontros

Que se apagam como neblinas matinais

Agosto passa. Imploramos que não vá

Mas não volta mais

Agosto lava o corpo e a mente

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 17:35



Mais sobre mim

foto do autor


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.


Posts mais comentados


Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D