Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]



Feira do livro

por cheia, em 27.05.18

Feira do Livro de Lisboa

Uma feiticeira, que me esvazia a carteira

Uma bebedeira durante toda a feira

A tentar levá-la inteira

Um ponto de encontro anual

Num ambiente natural

Namorada do Parque Eduardo VII

Durante alguns dias, para abrilhantar

As festas da cidade, onde os olhos podem navegar

Por um imenso mar de livros

Cada um com a sua autora ou autor, lá dentro

Prontos a connosco dialogar

Quando os lemos, também os reescrevemos

Fazendo a construção das personagens no nosso imaginário

Interpretando-os de acordo com as nossas vivências

Por isso, é que os livros têm tanta magia

Dentro dos livros, os autores dormem pelos séculos fora

Mas, quando os lemos, voltam a acordar, para tudo nos contar

Quando te mudaram de casa, e na avenida te plantaram

Visitava- te todos os dias, quando trabalho saía

Corria pela avenida abaixo, visitando todos os pavilhões

À procura do livro do dia, ou dos de bolso

Porque o meu dinheiro sempre foi pouco.

 

José Silva Costa

 

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 16:16


Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.



Mais sobre mim

foto do autor


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.


Posts mais comentados


Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D