Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]

socieadeperfeita



Sábado, 31.12.16

2017

Feliz e Próspero 2017

 

Gastámos mais um ano

Vamos receber mais um

Com grande euforia

Porque não pensamos na economia

Assim, vamos gastando o nosso tempo

Não temos alternativa

Nem sempre o gastamos em coisas úteis

Por vezes, arrependemo-nos de o termos desbaratado

Com tão pouco cuidado!

Mas não há nada a fazer

Gastámo-lo, não o podemos reaver!

Cada ano é mais uma etapa cumprida

Vamos começar mais uma corrida

Que seja bem vivida!

 

 

José Silva Costa

 

 

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

por cheia às 22:07

Sexta-feira, 23.12.16

Natal

Natal

Não gastem tantos euros em luzinhas de Natal, que me ofuscam a vista

Não consigo deixar de ver pais desesperados a atirarem crianças contra o arame farpado

Não consigo esquecer as palavras que gritam aos polícias e militares

Cidades destruídas, países desventrados: bombas , soldados, atentados

Campos de refugiados, todos, tão mal tratados!

Não insistam em esconder o que todos estamos a ver

Fome, guerras, miséria: desespero

E, continuam, com luzinhas, a querer, nos entreter!    

 

José Silva Costa

Autoria e outros dados (tags, etc)

por cheia às 20:37

Terça-feira, 20.12.16

Terá o ovo conserto?

Terá o ovo conserto?

Num tempo em que está tudo em desespero

A globalização e as novas tecnologias

Vieram por em confronto os vários Mundos

As mil e uma igrejas e as muitas religiões

As desigualdades comparadas instantaneamente

Tudo, sem tempo, para amadurecimento

A educação seria o principal remédio

Mas não é instantânea!

Quantos povos são, ainda, contra a educação?

Principalmente das mulheres!

Os homens têm medo de perder o poder

Porque saber é poder.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

por cheia às 19:18

Terça-feira, 13.12.16

Presos no estacionamento

Presos num parque de estacionamento, ao ar livre

 

Seis da manhã, escuro como breu, como só lá estacionamos de vez em quando, não sabiamos da novidade: mais um botão, mais uma função, uma senha para ter acesso a plataforma da estação e ir para o termino da linha.

Tirei a senha errada, apanhámos o comboio e seguimos o nosso destino. Quando regressámos, pelas vinte e duas horas, desejosos de chegar a casa, é que foram elas. Quando introduzi a senha na ranhura da máquina para pagar o estacionamento, esta não a reconheceu, e com razão, não era para o estacionamento, mas para entrar na estação.

Fui tirar nova senha, e a máquina disse que era inválida. Liguei para os números de telefone, que dizia estarem disponíveis vinte e quatro horas por dia, mas ninguém atendeu.

O desespero aumentava, liguei para 0 112, disseram para ligar para a GNR. Também não tive sorte, a gravação pediu que ligasse mais tarde.

Não sabíamos o que fazer. Entretanto chegou uma senhora, que fez tudo para nos ajudar, foi tirar nova senha, a mesma resposta: inválida. Carregou em todos os botões, queria ir a GNR, mas nós pedimos-lhe que não perdesse mais tempo.

Chegou um senhor, mas não teve tempo para nos ouvir.

Chegou outra senhora, insistiu em tirar nova senha de entrada e deixar levantar a barra, verificámos que ficou levantada, esperando que ela entrasse, o que não aconteceu, ao fim de algum tempo baixou, mas fez-se luz, olhámos um para o outro, e como que por telepatia, dissemos ao mesmo tempo “ vamos colocar os carros um enfrente ao outro”.

Pedi à minha companheira que colocasse o nosso carro em frente ao dela, depois da posição de choque frontal, tirei nova senha, a senhora avançou um pouco, a barra levantou, ela recuou, e nós libertámo-nos. Só queria que vissem o brilho dos seus olhos, a sua felicidade por nos ter ajudado a libertar. Estamos muito gratos a ambas. Ainda chegámos a casa no mesmo dia!

 

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

por cheia às 22:56


Mais sobre mim

foto do autor


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

Pesquisar no Blog  

calendário

Dezembro 2016

D S T Q Q S S
123
45678910
11121314151617
18192021222324
25262728293031