Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Primeiro de Maio

por cheia, em 30.04.15

Primeiro de Maio

A confraternização universal dos trabalhadores

Um dia que nos lembra as duras lutas de quem labuta em terra, no ar ou no mar, com mil dores

Tantos séculos de escravidão, de fome e violação, sem qualquer direito

Cada vez mais, o dia do trabalhador ganha ,novamente, uma atenção especial, porque, depois algumas conquistas de direitos e justiça, há quem queira por tudo em causa

É humano explorar homens, mulheres e crianças em cadeias de produção, sem o mínimo de condições, para que os patrões tenham mais, mais e mais lucros?

Os acionistas são insaciáveis e os capatazes insensíveis

Mesmo que tenhamos tido a sorte de vivermos na Europa, um dos melhores Continentes, não nos podemos alhear do sofrimento de todos os nossos irmãos

Até nós, mal suou a austeridade, nos esquecemos da solidariedade!

Quanto vale a paz, a solidariedade e a fraternidade?

E a África aqui tão perto! Onde adolescentes são raptadas, vendidas, violadas, e sei lá mais o quê, por andarem na escola!

Nem mesmo com as poderosas novas tecnologias, as mentalidades mudam de repente!

Espantado? Não, porque aqui, na Europa, há pouco mais de meio século, ouvi um pai sentenciar a filha, de que não voltaria à escola, por ter reprovado no exame da terceira classe: errou os problemas .Segundo o pai já era uma mulher, tinha doze anos, era indispensável nos trabalhos de casa e do campo. Teve o azar de só ter acesso à escola aos nove anos, quando foi criada a escola, na nossa terra.

Afinal, estamos tão perto e tão longe de África, que todos os dias, os nossos irmãos africanos, nos solicitam ajuda, arriscando a vida, para entrarem no paraíso europeu.

Por todo o Mundo, por todas as religiões, as mulheres foram , e continuam a ser discriminadas.

Mães, esposas, irmãs, namoradas, muita perseverança! Porque a guerra sempre foi e será dura, entre a força e a formosura. Mas o fruto é que perdura.

 

José Silva Costa

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 22:14

...

por cheia, em 30.04.15

 exemplo de Mota Soares!                     

Quando, no início desta legislatura, tomou posse como deputado , fez-se transportar na sua mota, chegou à Assembleia da República, pelos seus meios, não necessitando de viaturas do Estado!

E assim tem continuado, mesmo depois de nomeado Ministro da Segurança Social, nunca andou em nenhum carro do Estado!

E o falar aos saltinhos é resultado dos amortecedores da mota, na trepidação do empedrado das ruas, das colinas de Lisboa.

Mas não ficam por aqui os exemplos do Senhor Ministro da Segurança Social: para preenchimento de vagas nos organismos dependentes do seu Ministério, tem tido o cuidado de fazer uma dupla certificação dos concorrentes.

Assim, aos concorrentes aprovados pela Cresap: Comissão de Recrutamento e Seleção para a Administração pública , ele acrescenta a certificação de militante partidário, tendo povoado o País, apenas de militantes do CDS e PSD .

Graças à Cresap a nossa administração pública está renovada e bem entregue a pessoas competentes e selecionadas, sem recurso a emblemas Partidários.

Que ricos exemplos!

 
 
publicado

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 20:08


Mais sobre mim

foto do autor


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.


Posts mais comentados


Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D